País

"Às vezes a PJ não tem dinheiro para o gasóleo": os problemas da Justiça em Portugal

Entrevista SIC Notícias

Loading...
Carla Oliveira, secretária-geral da Associação Sindical dos Juízes Portugueses, em entrevista na SIC Notícias.

Carla Oliveira, secretária-geral da Associação Sindical dos Juízes Portugueses, adiantou, em entrevista na SIC Notícias, "problemas gravíssimos" na área da Justiça. A responsável realça que o setor precisa de tranquilidade.

Há problemas que se repetem, todos os anos falamos deles.

Na Edição da Tarde, Carla Oliveira exemplifica que o ano judicial está a começar com uma greve dos funcionários: "É mau sinal. Não contesto, lamento é que esta situação ainda não tenha sido solucionada. Há anos que lutam pela revisão do estatuto.

A Justiça precisa de paz e tranquilidade.

A secretária-geral da Associação Sindical dos Juízes Portugueses descreve "problemas gravíssimos" nos edifícios dos tribunais: edifícios a cair, paredes a ruir, infiltrações, problemas elétricos, falta de equipamentos. Acrescenta ainda que há locais sem a "segurança mínima" e considera "dramática" a falta de magistrados.

Sobre os megaprocessos, Carla Oliveira diz que são uma "parte ínfima dos milhares de processos" dos tribunais. Reconhece que alguns vão demorar a ser resolvidos "pela sua dimensão e complexidade", mas defende que esse tempo podia ser reduzido com mais recursos humanos adequados.

Às vezes a PJ não faz uma diligência porque não tem carros disponíveis ou não tem dinheiro para o gasóleo.

Últimas Notícias
Mais Vistos