País

Presidente da República espera que novo aeroporto "não demore eternidades" a concretizar-se

Loading...
Marcelo afirmou que "falta de sustentabilidade" na visão política não deve atrasar decisão.

O Presidente da República espera que o novo aeroporto de Lisboa não se arraste no tempo por "falta de sustentabilidade" na visão política. Numa intervenção no encerramento do congresso da ordem dos contabilistas certificados, Marcelo Rebelo de Sousa voltou ainda a insistir na necessidade de o Governo esclarecer medidas e dar aos cidadãos toda a informação sobre o futuro.

Foi no congresso da Ordem dos Contabilistas Certificados que Marcelo Rebelo de Sousa, em discurso, insistiu na ideia de que o Governo deve explicar à população as decisões políticas que toma.

“Quando se decide para as pessoas. Fornecer às pessoas o máximo de informação acerca dessa decisão é incluí-las no processo de decisão também. A responsabilidade social passa por aí. Há medidas que têm de ser tomadas agora, embora produzindo efeitos para o ano, e nos anos seguintes”.

O Presidente da República afirmou que sempre que o Governo antecipa alguma medida, deve antecipar também os respetivos esclarecimentos ao país.

No dia em que António Costa e Luís Montenegro se encontram para discutir o novo aeroporto de Lisboa, Marcelo deixou o apelo para que não se “demore décadas ou eternidades ” a efetivar a decisão das novas instalações aeroportuárias.

O chefe de Estado deixou claro que “a falta de sustentabilidade na visão dos responsáveis políticos” não deve ser um entrave para esta decisão.

Últimas Notícias
Mais Vistos