País

A (dura) realidade dos estudantes que procuram casa em Lisboa

Loading...

A SIC visitou um quarto que custa 350 euros numa casa sem gás, sem televisão e sem internet a uma hora de transportes de Lisboa.

É cada vez mais difícil para os estudantes encontrar casa em Lisboa. 80% dos quartos foram retirados do mercado para o turismo e para os chamados “nómadas digitais”. O que há, muitas vezes em más condições, ficou ainda mais caro.

As federações académicas temem que o problema se agrave e que faça com que muitos abandonem o ensino superior.

Em Loures, a uma hora de transportes de Lisboa, a SIC visitou um quarto que custa 350 euros por mês numa casa sem gás, sem televisão e sem internet, onde já vive uma senhora de 87 anos.

Mesmo procurando muito, nem sempre é possível encontrar um espaço que agrade ou que esteja dentro das possibilidades. Mas deixar de estudar é sempre a última opção. As residências universitárias são a alternativa para muitos alunos que não têm como pagar um quarto, mas também há queixas.

Entre alunos, os motivos económicos são apontados como a principal razão para não ir para a universidade.

Últimas Notícias
Mais Vistos