País

Morreu o bispo auxiliar de Lisboa D. Daniel Henriques

Morreu o bispo auxiliar de Lisboa D. Daniel Henriques
Chadchai Ra-ngubpai
O bispo Daniel Batalha Henriques encontrava-se numa unidade de cuidados paliativos devido a doença oncológica.

O bispo Daniel Batalha Henriques, ocupava o lugar de auxiliar de Lisboa, acabou por falecer na madrugada de hoje, aos 56 anos, informou o Patriarcado.

O prelado, que se encontrava doente, vivia numa unidade de cuidados paliativos e fora visitado esta semana pelo cardeal patriarca de Lisboa, Manuel Clemente, que, na quarta-feira, numa mensagem divulgada no site do Patriarcado, reconhecia que aquela unidade poderia "ser o último tempo da (...) vida [Daniel Batalha Henriques] neste mundo".

"Acabo de estar com ele e asseguro-vos de que está sereno e em paz. Lembra-vos a todos e por todos se oferece também, clérigos e leigos, de paróquias, movimentos e grupos", escreveu Manuel Clemente.

O corpo de Daniel Batalha Henriques será velado na Sé de Lisboa a partir das 18:00 de hoje, informou ainda o Patriarcado, citado pela agência Ecclesia.

A missa exequial vai ser celebrada no sábado, às 11:00, na Sé, presidida pelo cardeal-patriarca de Lisboa, e o corpo vai depois para a Igreja Paroquial de Santo Isidoro, onde chegará pelas 16:00, sendo sepultado no cemitério local, acrescenta.

Daniel Batalha Henriques era natural da freguesia de Santo Isidoro, Mafra, foi ordenado padre a um de junho de 1990, no Mosteiro dos Jerónimos, em Lisboa. A 13 de junho de 2018 foi nomeado, pelo Papa Francisco, bispo auxiliar de Lisboa, tendo recebido a ordenação episcopal em 25 de novembro desse ano.

Últimas Notícias