A Procuradora

“Este juiz (Neto de Moura) não pode continuar a exercer”

“Este juiz (Neto de Moura) não pode continuar a exercer”

Manuela Moura Guedes analisa o acórdão polémico que envolve o juiz Neto de Moura.

O juiz do Tribunal da Relação do Porto assinou o polémico acórdão que desculpabiliza dois casos de violência doméstica.

A comentadora da SIC sublinha que “as mulheres não são propriedade dos homens” e afirma que Neto de Moura “não pode continuar a exercer”.

Perante as muitas queixas, o Conselho Superior de Magistratura acabou por abrir um inquérito disciplinar que só a 5 de fevereiro terá uma decisão.

  • O novo templo da maçonaria portuguesa 
    6:09
  • Jogador do Penafiel sofre ataque epilético e é salvo por adversário
    2:08