Linhas Vermelhas

Mortágua ataca PS e diz que partido luta contra as offshores só para "inglês ver"

Mariana Mortágua comentou o caso "Pandora Papers" e a falta de ação do Governo no combate às offshores.

No "Linhas Vermelhas" desta segunda-feira, Mariana Mortágua referiu que falta interesse no combate às offshores em Portugal, e acusa o Governo de aprovar medidas apenas para "inglês ver".

"Eu posso dar um exemplo: nós, agora, na altura de negociar os apoios Covid-19, em que as empresas iam receber milhões de euros, tentámos negociar com o Governo e impor uma condição, que até propusemos formalmente, de que qualquer empresa que tivesse ligação a um offshore não pudesse aceder a dinheiro público. Uma medida simples. O Governo respondeu-nos, e incluiu até no Orçamento, uma medida que diz que 'qualquer empresa que seja detida por uma offshore, não pode aceder a dinheiros públicos'.

Contudo, Mariana Mortágua refere que, após o seu partido estudar a proposta, foi descoberto que "empresas detidas por offshores só há uma".

"Ou seja, a medida era mesmo para 'inglês ver', porque, quando é preciso mudar a lei para impedir que estruturas que utilizem offshores possam, por exemplo, aceder a dinheiro público, e não devem poder aceder, porque elas não cumprem com as suas obrigações legais, seja em Portugal, seja noutro país, quando chega essa altura, não há interesse em travar a utilização de offshores, e nós percebemos porquê, porque as offshores são utilizadas, precisamente, para favorecer grandes empresas."

Veja também: