Opinião Pública

Emergência alimentar e desigualdades sociais 

Direto

Participe no Opinião Pública, entre as 10h30 e as 12h00.

No Opinião Pública desta manhã vamos debater a emergência alimentar e as desigualdades dociais provocadas pela crise económica causada pela Covid-19, quando se sabe que dispararam os pedidos de ajuda por parte das famílias. Acompanhe o programa aqui, em direto:

Direto

Um inquérito da Escola Nacional de Saúde Pública conclui que 1/4 das famílias que ganhavam até 650 euros perderam todo o rendimento.

A presidente do Banco Alimentar Contra a Fome fala em pedidos de ajuda de pessoas que estão em lay-off ou ficaram no desemprego e que não pertencem ao tipo de população habitualmente carenciada.

O Governo registou um aumento de 50% de pedidos, em apenas 2 meses, e prometeu distribuir neste mês de maio 90 mil cabazes alimentares através de instituições, no âmbito de um programa criado durante a crise de 2011.

Queremos saber como está a passar esta crise, se os seus rendimentos foram afetados e quais são as suas prespectivas para os próximos tempos.

Os profissionais que estão em lay-off ou que ficaram sem trabalho têm tido os apoios suficientes? E que medidas considera necessárias para apoiar famílias e empresas?


Perguntas à espera de respostas pelos números 21 416 11 47 ou 21 416 11 48.