Saúde e Bem-estar

Esclerose Múltipla afeta 8.000 pessoas em Portugal

Esclerose Múltipla afeta 8.000 pessoas em Portugal

Paulo Gonçalves, vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla, esteve na Edição da Manhã.

Assinala-se amanhã, 4 de dezembro, o Dia Nacional da Pessoa com Esclerose Múltipla, uma condição inflamatória crónica do sistema nervoso central e que, em Portugal, afeta cerca de 8.000 pessoas. Os sintomas mais comuns da Esclerose Múltipla (EM) incluem visão turva, dormência ou formigueiro nos membros e problemas em termos de força e coordenação. Para nos falar do impacto da patologia na vida dos doentes e cuidadores, Paulo Gonçalves, vice-presidente da Sociedade Portuguesa de Esclerose Múltipla, esteve na Edição da Manhã.

  • "Ele deu-me um soco! É uma vergonha": treinador do Belenenses SAD admite que foi agredido
    0:36