Cultura

"A Metamorfose dos Pássaros" vence Grande Prémio do Festival do Documentário do Chile

"A Metamorfose dos Pássaros" é a primeira longa-metragem de Catarina Vasconcelos.

A primeira longa-metragem de Catarina Vasconcelos, "A Metamorfose dos Pássaros", recebeu esta terça-feira o prémio de melhor filme, no Festival do Internacional de Documentário do Chile (FIDOCS), e o Prémio do Júri Jovem, anunciou hoje o certame.

O júri da competição principal da edição deste ano, composto pelos cineastas e produtores Gema Juarez Allen (Argentina), José Luis Torres Leiva (Chile), Diego Pino Anguita (Chili) e Rachel Daisy Ellis (Brasil), decidiu, por unanimidade, atribuir o galardão máximo do festival à cineasta portuguesa, "pela sua capacidade de transformar a história do património familiar num olhar poético e pessoal".

Catarina Vasconcelos transforma "cada imagem da sua memória numa viagem de realidade e fantasia cheia de sensibilidade. O espectador é convocado, através de uma linguagem cinematográfica extraordinária, a uma evocação de memórias e sentimentos de sua própria genealogia", escreve o júri, na sua justificação.

A realizadora, que antes dirigira a curta-metragem "Metáfora ou a Tristeza Virada do Avesso", foi também distinguida com o Prémio do Júri Jovem do festival, destinado a cineastas em início de carreira.

O filme

"A Metamorfose dos Pássaros", uma produção da Primeira Idade que deverá ter estreia em Portugal em 2021, tem estado em circulação internacional por mais de 40 festivais e mostras de cinema, onde tem colhido vários prémios.

A narrativa do filme cruza documentário e ficção, parte da história da família da realizadora, em particular da avó paterna, que nunca chegou a conhecer.

Em fevereiro, quando da estreia mundial desta obra, no Festival de Cinema de Berlim, o filme conquistou o Prémio da Crítica Internacional.

Desde então, tem somado distinções como o Prémio de Melhor Filme no Festival de Vílnius (Lituânia), o Prémio Especial do Júri no Festival de Taipei (Taiwan), o Prémio do Melhor Filme no Festival Dokufest (Kosovo) e o prémio Zabaltegi -- Tabakalera, no Festival de Cinema de San Sebastián (Espanha).

No início de setembro conquistou o prémio do público no IndieLisboa, a que se seguiram, em outubro, os prémios do público e de contribuição artística no Festival de Cinema de Curitiba (Brasil), além da estreia na Áustria, no âmbito do Viennale - Festival de Cinema de Viena.

Em novembro, o filme também foi duplamente premiado, vencendo o Grande Prémio e o Prémio do Público, da 20.ª edição do festival New Horizons.

De acordo com a Portugal Filme - Agência Internacional de Cinema Português, que tem a distribuição de "A Metamorfose dos Pássaros", o filme tem estreia comercial assegurada na China, em Espanha, Lituânia, Itália e Polónia e, brevemente também, nos Estados Unidos, Taiwan, Reino Unido, Rússia, Austrália, Nova Zelândia e nos países de língua alemã.

Em Portugal, estreia-se no primeiro semestre de 2021, segundo o comunicado da Portugal Film.

Um misto de documentário e ficção, o filme de Catarina Vasconcelos conta com fotografia de Paulo Menezes, som de Adriana Bolito e Rafael Cardoso, e montagem de Francisco Moreira.

"A Metamorfose dos Pássaros" é uma produção da Primeira Idade, de Pedro Fernandes Duarte e Joana Gusmão.

Do elenco de atores fazem parte amigos e família de Catarina Vasconcelos, assim como a própria realizadora.

O Festival

Esta 24.ª edição do Festival FIDOCS decorreu 'online', desde o dia 25 de novembro, e encerrou hoje.

O FIDOCS, fundado pelo cineasta chileno, o documentarista Patrício Guzmán, realizador de "O Botão de Nacar" e "Nostalgia de Luz", é considerado um dos mais importantes encontros de cinema documental da América Latina.