Cultura

Ator de Prison Break revela ser autista: "Foi um choque, mas não foi uma surpresa"

Phil McCarten

Wentworth Miller recebeu o diagnóstico há cerca de um ano.

O ator Wentworth Miller, protagonista da série Prison Break, revelou esta semana, na conta oficial de Instagram, que recebeu há um ano um diagnóstico de autismo.

"Tal como a toda a gente, a vida em quarentena tirou-me coisas. Mas no silêncio/isolamento, encontrei dádivas inesperadas”, começou por escrever o ator na publicação.

"Este outono faz um ano que recebi o meu diagnóstico informal de autismo, procedido por um autodiagnóstico e seguido por um diagnóstico formal.", continuou.

O ator britânico, de 49 anos, revelou que o diagnóstico foi um "choque", mas não uma "surpresa", admitindo que precisa de aprender mais sobre o autismo. Acrescentou também que o acesso "a um diagnóstico é um privilégio do qual muitos não desfrutam".

Instagram

No Instagram, disse que não quer correr o risco de ser "uma voz alta e mal informada" e que se devem ouvir pessoas com mais conhecimento acerca do assunto. Quis apenas dizer "Estou aqui", confessa o ator.

No longo texto onde revela ser autista, Miller agradeceu a todas as pessoas da sua vida que, consciente ou inconscientemente, lhe deram espaço para que vivesse de uma forma que lhe fazia sentido, mesmo que para os outros não fizesse.