Cultura

Capital Europeia da Cultura 2027 é Évora

Capital Europeia da Cultura 2027 é Évora
TIAGO PETINGA/Lusa

Em 2027, Portugal terá uma Capital Europeia da Cultura pela quarta vez.

O anúncio foi feito esta quarta-feira no Centro Cultural de Belém (CCB) pela presidente do júri internacional, Beatriz Garcia. Na corrida estavam 12 cidades, tendo chegado à derradeira final apenas quatro: Aveiro, Braga, Évora e Ponta Delgada.

A cidade hoje escolhida vai ser Capital Europeia da Cultura em 2027 juntamente com a já selecionada Liepaja, na Letónia, e terá uma dotação financeira de 29 milhões de euros oriundos de fundos nacionais e europeus, como foi revelado em outubro pelo ministro da Cultura, Pedro Adão e Silva.

Em 2027, Portugal terá uma Capital Europeia da Cultura pela quarta vez, após Lisboa, em 1994, Porto, em 2001, e Guimarães, em 2012.

Todos os anos, Portugal vai ter uma Capital da Cultura

O anúncio foi feito pelo ministro da Cultura. A partir de 2024, Portugal passará a ter anualmente “uma Capital da Cultura e as três primeiras já estão escolhidas - Aveiro, Braga e Ponta Delgada”.

Loading...

"Respondendo a um apelo, que me foi feito pelos quatro autarcas [das cidades finalistas da escolha portuguesa para Capital Europeia da Cultura 2027], criaremos a figura da Capital Portuguesa da Cultura, que nas três primeiras edições - 2024, 2025 e 2026 - serão as três cidades que não foram escolhidas hoje", afirmou Pedro Adão e Silva, na conferência de imprensa do anúncio da cidade vencedora.

Segundo o ministro, o Governo, "numa colaboração [do ministério da Cultura] com os ministérios da Economia e da Coesão Territorial, apoia com dois milhões de euros o programa da capital Portuguesa da Cultura, [apoio] que se repetirá por três anos".

Esta decisão é, de acordo com Pedro Adão e Silva, "um reconhecimento merecido do trabalho feito, mas também uma aposta no futuro".

"Em 2027 não teremos Capital Portuguesa da Cultura, porque haverá Capital Europeia da Cultura em Portugal, mas em 2028, com concurso aberto, haverá uma quinta cidade".

Aveiro continuará a investir na Cultura

Apesar de não ter sido a cidade escolhida, o presidente da Câmara de Aveiro, Ribau Esteves, disse hoje que vai continuar a trabalhar e investir na Cultura, após ser conhecida a escolha de Évora para Capital Europeia da Cultura.

"Em 2027, a nossa Cidade não vai ser Capital Europeia da Cultura, sendo que vamos continuar a trabalhar e a investir na Cultura, como temos vindo a fazer nos últimos sete anos, implementando a sua Estratégia para a Cultura, definida no seu Plano Municipal, aumentando a qualidade do processo de desenvolvimento integral em curso no Município de Aveiro", comentou o autarca.

Ribau Esteves deixou também "uma nota especial de parabéns a Évora, na certeza de que vai honrar a Cultura de Todas essas 12 Cidades, a Cultura de Portugal, a Cultura da Europa".

Apesar de não ter sido a escolhida, a versão final da candidatura de Aveiro vai ser apresentada ao público no próximo dia 13, às 18:30 horas, no Teatro Aveirense, momento em que será feito o balanço do projeto "Aveiro, Capital Europeia da Cultura 2027".

[Notícia atualizada às 17:48]

Últimas Notícias
Mais Vistos