Desporto

Moutinho fala em "orgulho" e lembra que o futebol é "fértil em surpresas"

RODRIGO ANTUNES

O médio da seleção nacional acredita que Portugal pode conquistar a competição da Liga das Nações

O médio João Moutinho afirmou hoje que seria um "orgulho" vencer a Liga das Nações com a seleção portuguesa, depois da conquista do Euro2016, e lembrou que o futebol é "fértil em surpresas".

"Os candidatos são as quatro seleções. Não se pode falar em favoritos. Claro que depois existem os rankings, mas dentro de campo isso não conta nada. Felizmente, o futebol é fértil em surpresas", afirmou João Moutinho, acrescentado que a equipa portuguesa está "toda unida e focada no único objetivo, que é vencer".

O médio do Wolverhampton falava aos jornalistas em conferência de imprensa, na Cidade do Futebol, em Oeiras, minutos antes de mais um treino de Portugal, que prepara a participação na primeira fase final da Liga das Nações.

"Queremos todos conquistar mais troféus. Nós todos jogamos para conquistar títulos pela seleção. É um orgulho enorme, como aconteceu no Europeu. Depois disso, temos estado em todas as fases finais e agora temos mais uma competição. Estamos aqui com todo o mérito e queremos ganhar a prova", referiu.

Aos 32 anos, Moutinho é o terceiro jogador mais internacional de sempre pela seleção nacional, com 114 presenças, e está 13 da marca do já retirado Luís Figo, que segue em segundo, atrás de Cristiano Ronaldo (156).

"Honestamente, não olho muito para isso. Claro que é um orgulho enorme continuar a ser convocado e jogar competições tão importantes como tem acontecido. Tento sempre dar o meu melhor e isso para mim não é relevante", admitiu.

O antigo médio de Sporting e FC Porto fez o seu último jogo pelo Wolverhampton em 12 de maio e está sem competir desde essa altura, tendo sido obrigado a efetuar um plano específico de treino para chegar à seleção nacional em boas condições físicas.

"Se estivesse duas semanas sem treinar, não seria possível chegar aqui em condições normais. Foi preciso cumprir um plano para continuar em boa condição. Não se notou nada, sinto-me bem fisicamente", disse.

A primeira semana de trabalho de Portugal será feita em regime aberto, com os jogadores a estarem apenas obrigados a comparecer nos treinos, com a concentração para estágio a estar agendada para domingo.

Portugal, campeão europeu em título, defronta a Suíça nas meias-finais da Liga das Nações, em 05 de junho, no Estádio do Dragão, no Porto, em jogo com início às 19:45.

Um dia depois, Inglaterra e a Holanda disputam a outra meia-final, no Estádio D. Afonso Henriques, em Guimarães, também às 19:45.

Os vencedores disputam a final da primeira edição da Liga das Nações, em 09 de junho, no Estádio do Dragão, em encontro com início às 19:45, enquanto os vencidos decidem no mesmo dia a atribuição dos terceiro e quarto lugares, no Estádio D. Afonso Henriques, às 15:00.

Lusa.

  • Compra de João Félix vai custar ao Atlético 126 milhões de euros
    1:32