Desporto

Sporting solidariza-se com Marega e repudia ato de racismo

HUGO DELGADO

"O Sporting Clube de Portugal vem por este meio manifestar a sua solidariedade com o jogador Marega do FC Porto"

O Sporting solidarizou-se este domingo com o futebolista maliano do FC Porto, Moussa Marega, e repudiou qualquer ato de racismo, depois de o avançado ter sido alvo de insultos em Guimarães.

Marega recusou-se a continuar a jogar no encontro do FC Porto em casa do Vitória de Guimarães, sendo substituído aos 71 minutos, por ter sido alvo de insultos racistas por parte dos adeptos vimaranenses.

"O Sporting Clube de Portugal vem por este meio manifestar a sua solidariedade com o jogador Marega do FC Porto e repudiar qualquer ato de racismo e preconceito social", lê-se num comunicado dos 'leões'.

Na mesma nota, lê-se que "os valores que o Sporting Clube de Portugal defende não se reveem neste tipo de comportamento", com o clube a considerar que "as autoridades devem agir em nome de todos aqueles que pretendem elevar o desporto e a sociedade portuguesa".

"Os acontecimentos desta tarde em Guimarães merecem toda a nossa atenção e preocupação e apenas em conjunto conseguiremos erradicar estas atitudes dos estádios em Portugal", refere o Sporting.

Veja também:

  • Espanha ultrapassa as 8 mil mortes. Quase 800 mil infetados no mundo

    Coronavírus

    Nas últimas 24 horas, Espanha registou mais 849 mortes por Covid-19, o valor mais alto num só dia desde o início da pandemia. O balanço de vítimas do novo coronavírus em território espanhol ascende agora a 94.417 infetados e 8.189 vítimas mortais. Em termos globais, há quase 800 mil pessoas infetadas e mais de 38 mil vítimas mortais. Portugal regista 140 mortes e 6.408 casos. Siga aqui ao minuto as últimas informações sobre a pandemia.

    Direto

    SIC Notícias