Desporto

Real Madrid ou PSG? Como Macron tentou convencer Mbappé

Real Madrid ou PSG? Como Macron tentou convencer Mbappé
VI-Images
O jovem avançado revelou uma conversa que manteve com o Presidente francês.

O futebolista Kylian Mbappé esteve no centro de uma rivalidade entre o Paris Saint-Germain e o Real Madrid há cerca de um ano. O jovem jogador, que representa o PSG desde 2017, manifestava intenções de sair do clube francês e rumar a Madrid e tudo apontava para isso. Todavia, este plano caiu por terra quando a autoridade máxima em França interveio. Mbappé conta ao jornal norte-americano “The New York Times” como é que Emmanuel Macron o convenceu a renovar o contrato com o PSG.

Para entender esta decisão polémica no mundo do futebol é necessário contextualizar e regressar a 2021.

Vários órgãos de comunicação social anunciavam a intenção de Kylian Mbappé: sair do Paris Saint-Germain e vestir a camisola do Real Madrid. O futebolista ainda não tinha completado 23 anos e o clube espanhol já estava a oferecer cerca de 160 milhões de euros ao PSG por Mbappé. Porém, aos olhos do diretor desportivo do PSG, esta proposta era “insuficiente”.

O presidente do Real, Florentino Pérez, chegou a fazer uma proposta de 200 milhões de euros pelo jogador, mas o PSG recusou a proposta por alegar ter havido um procedimento incorreto da parte do adversário, ao abordar diretamente o internacional gaulês.

Já no início de 2022, as notícias de que o Real Madrid iria contratar Mbappé, que passaria a ser o jogador mais bem pago do mundo, começavam a circular. E todos os indícios apontavam para esta transferência. Até a EA Sports tinha feito planos para a saída do PSG este verão, tendo preparado a versão mais recente do videojogo FIFA com Mbappé a vestir a camisola do Real Madrid.

Perto do término do contrato com o PSG, Mbappé pressionava o clube para efetuar a transferência, mas os parisienses foram implacáveis e não cederam às pretensões do jogador ou do Real Madrid. Até que se viram forçados a jogar a derradeira carta: pedir ao Presidente.

Foi assim que esta "rivalidade" entre o PSG e o Real Madrid ficou marcada por uma questão de Estado, em que o próprio Presidente francês teve uma interferência significativa. Macron ligou ao astro do futebol e pressionou-o a permanecer na Ligue 1 e a não aceitar a oferta do Real Madrid.

“Nunca imaginei que iria falar com o Presidente sobre o meu futuro, sobre o futuro da minha carreira. É uma loucura”, admite Mbappé ao New York Times.

O Presidente Macron disse: "Quero que fiques, não quero que saias agora. É muito importante para o país", contou o jovem jogador.

Durante a conversa com o jogador francês, Macron referiu ainda o “interesse do país”.

"Eu asseguro que não intervenho em nenhuma transferência. Sou como qualquer cidadão no que diz respeito ao desporto, com vontade de ver um bom jogo e de apoiar uma equipa, neste caso o Marselha. Tive uma conversa com Mbappé há uns tempos, simplesmente para aconselhá-lo a ficar em França. Quando questionado, de forma informal e amigável, é o papel de um Presidente defender o país", disse ao La Montagne.

O jovem avançado renovou o contrato com o PSG por mais três anos e tornou-se o jogador mais valioso do mundo do futebol, com um valor de mercado de 160 milhões de euros.

Mesmo assim, o internacional gaulês não fecha a porta a uma ida para o Real Madrid: “Nunca se sabe o que vai acontecer. Nunca lá estive, mas parece que é a minha casa ou algo do género”

A renovação com o PSG causou polémica em Espanha, com o Real Madrid e a liga espanhola a denunciarem o PSG à UE.

O avançado de 23 anos está no PSG desde 2017, tendo somado 171 golos e 72 assistências em 217 jogos.

Últimas Notícias
Mais Vistos