Desporto

Wolverhampton oficializa saída de Bruno Lage

Wolverhampton oficializa saída de Bruno Lage
Marc Atkins

O treinador português não resistiu à série de maus resultados.

O Wolverhampton anunciou, este domingo, a saída do treinador português Bruno Lage. A decisão foi oficializada através de um comunicado publicado na página oficial do clube. Chegou à equipa inglesa em junho de 2021, mas não resistiu aos maus resultados do clube.

"Os Wolves separaram-se do técnico Bruno Lage, que estava no comando do Molineux desde junho de 2021, levando os Wolves ao 10º lugar na sua primeira temporada na Premier League. Durante essa campanha, Lage foi premiado como treinador do mês da Premier League em janeiro", pode ler-se no comunicado divulgado pelo clube no seu sítio oficial na Internet.

No comunicado, a equipa da Premier League destaca as conquistas alcançadas pelo treinador português. O presidente do clube, Jeff Shi, afirma que “Bruno [Lage] é um excelente treinador, um manager trabalhador e dedicado e um homem caloroso, sábio e honesto”.

O Wolverhampton avança ainda que a equipa passará a ser conduzida por Steve Davis e James Collins.

Com apenas seis pontos, fruto de uma vitória, três empates e quatro derrotas, em oito rondas da atual edição Premier League, Bruno Lage acabou por não resistir, com a derrota em Londres, na casa do West Ham (2-0), no sábado, a revelar-se a gota de água para os responsáveis do emblema dos arredores de Birmingham.

O antigo treinador do Benfica, de 46 anos, chegou ao Wolverhampton em 8 de junho de 2021, na altura para suceder ao compatriota Nuno Espírito Santo.

Últimas Notícias
Mais Vistos