Economia

Taxa de desemprego aumentou para 6,6% em abril e estabilizou em maio

Em abril de 2019, a população desempregada foi estimada em 340,1 mil pessoas.

A taxa de desemprego aumentou para 6,6% em abril, mais 0,1 pontos percentuais do que em março, e ter-se-á mantido nos 6,6% em maio, segundo a estimativa provisória divulgada esta sexta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE).

"Em abril de 2019, a taxa de desemprego situou-se em 6,6%, valor superior ao do mês anterior em 0,1 pontos percentuais, igual ao de três meses antes e inferior em 0,5 pontos percentuais ao do mesmo mês de 2018", refere o INE.

O valor da taxa de desemprego de abril representa uma revisão em baixa de 0,1 pontos percentuais da estimativa provisória divulgada há um mês.

Em abril de 2019, a população desempregada foi estimada em 340,1 mil pessoas, tendo aumentado 1,7% (5,8 mil) em relação a março de 2019 e diminuído 0,5% (1,7 mil) relativamente a janeiro de 2019 e 7,6% (28,1 mil) face a abril de 2018.

Aquele valor representa uma revisão em baixa de 1,6% (5,5 mil) da estimativa provisória, indica o INE.

Em relação à taxa de desemprego entre os jovens, segundo o INE, recuou dos 17,2% de março para 17,1% em abril e, entre os adultos, aumentou de 5,6% para 5,8%. A estimativa provisória da taxa de desemprego para maio é 6,6%, o que, a concretizar-se, representará uma estabilização em relação ao mês anterior, com a taxa de desemprego dos jovens a aumentar 1,6 pontos percentuais para os 18,7% e a dos adultos a diminuir 0,1 pontos percentuais para os 5,7%.

Lusa

  • A saga do prédio Coutinho
    6:43
  • Descobrir as rotas do Alentejo
    14:59
  • Cepas da Serra
    10:16