Economia

Banco de Portugal, gestores da CGD e Ministério das Finanças arrasados em relatório

Banco de Portugal, gestores da CGD e Ministério das Finanças arrasados em relatório

O relatório preliminar da comissão de inquérito à Caixa Geral de Depósitos é arrasador para o Banco de Portugal, para o Ministério das Finanças e para a gestão de Carlos Santos Ferreira à frente do banco público.

O documento, elaborado pelo deputado do CDS, João Almeida, conclui que o supervisor foi burocrático na ação, que as finanças ignoraram alertas e que alguns administradores só marcavam presença em reuniões para fazer número.