Economia

TAP vai continuar a pagar prémios aos trabalhadores

Rafael Marchante

Pagamento de prémios criou tensão com o Governo.

A TAP vai continuar a pagar prémios de desempenho aos trabalhadores, mesmo contra a vontade do Governo. David Neeleman, principal acionista da companhia, considera que os prémios são a forma mais eficiente para gerir e estimular os quadros da empresa.

Numa entrevista ao Observador, assume que a TAP vai cumprir o requisito de que 50% da compensação será paga de acordo com o desempenho individual e a outra metade dependerá dos resultados da companhia.

Apesar de ter tido prejuízos de 111 milhões de euros nos primeiros nove meses de 2019, Neeleman diz não estar preocupado e assegura que a TAP está saudável financeiramente.

Recorde-se que o pagamento de prémios em 2018, ano em que a companhia área também teve prejuízos, gerou uma polémica entre a TAP e o Governo, com o executivo a falar numa quebra de confiança.

  • Lage reconhece que série de jogos sem vencer tem origem em fragilidades defensivas
    1:57