Economia

Covid-19. Dez mil trabalhadores à espera de pagamentos da segurança social desde julho

Governo confirma atrasos e não adianta prazos.

Há trabalhadores independentes e desempregados, sem direito a subsídio, que estão desde julho sem receber apoios da segurança social.

Este apoio destina-se a trabalhadores sem contribuições sociais, desempregados sem acesso ao subsídio de desemprego ou ainda a trabalhadores independentes com descontos para a segurança social que não puderam ter acesso ao primeiro apoio excecional de março.

O Governo fala em problemas operacionais e não adianta um prazo para pagar as prestações.