Economia

PSD diz que é contraditório o Governo levar plano de reestruturação da TAP à AR

Plano vai ser votado na Assembleia da República, depois de aprovado pela Comissão Europeia.

O PSD considera contraditória a decisão do Governo de levar a votação parlamentar o plano de reestruturação da TAP.

O plano vai ser votado na Assembleia da República, depois de aprovado pela Comissão Europeia. O Governo tem até quinta feira para apresentar o plano, uma exigência da Comissão Europeia pelos 1.200 milhões de euros que o estado injetou para garantir a sobrevivência da TAP durante a pandemia.

O governo admite que um chumdo na Assembleia da República pode significar o fim da companhia aérea.

Em cima da mesa estão cortes salariais de 25% em todo o grupo, o despedimento de 3 mil trabalhadores e a redução da frota da TAP.