Economia

Mais de metade dos carros vendidos na Noruega em 2020 são elétricos

Nacho Doce

Modelos mais vendidos foram Audi e-tron, Tesla Model 3, Volkswagen ID.3 e Nissan Leaf.

Mais de metade dos carros novos vendidos na Noruega em 2020 foram veículos elétricos, sendo o primeiro país a superar esta marca, segundo dados divulgados esta terça-feira.

De acordo com o conselho de informação sobre o tráfego automóvel norueguês, os veículos elétricos tiveram uma participação de mercado de 54,3% no ano passado, contra 42,4% um ano antes.

Os quatro modelos elétricos mais vendidos no país foram Audi e-tron, Tesla Model 3, Volkswagen ID.3 e Nissan Leaf.

As vendas de veículos elétricos em dezembro alcançaram um novo recorde mensal de 66,7%, beneficiando da chegada ao mercado de novos modelos, segundo os dados disponibilizados.

Noruega é a maior produtora de hidrocarbonetos da Europa Ocidental

A Noruega é atualmente a maior produtora de hidrocarbonetos da Europa Ocidental, sendo igualmente pioneira em mobilidade elétrica graças a uma política tributária extremamente favorável.

Ao contrário dos carros a diesel ou a gasolina, que são altamente tributados, os carros particulares elétricos estão isentos de quase todos os impostos, o que os torna mais competitivos.

O país nórdico, onde a eletricidade é quase inteiramente de origem hidráulica, tem o objetivo de que todos os seus carros novos terão "emissões zero" a partir de 2025.