Economia

Crise mundial na aviação. Número de passageiros caiu 60% em 2020

Loading...

Número de passageiros foi praticamente igual ao de 2003.

Nos últimos dias, as ações das empresas de transporte aéreo ganharam algum ânimo tendo em conta o aproximar do verão, mas alguns especialistas acham que ainda é cedo para falar em retoma. A história da aviação mundial passa hoje por resgates de biliões, despedimentos aos milhares, incerteza sem fim.

O número de passageiros caiu cerca de 60% o ano passado em todo o mundo por causa do coronavírus.

Nos últimos dias, a subida dos juros nos Estados Unidos levou muitos investidores a livrarem-se das ações das tecnológicas apostando nas empresas de aviação. A ideia é que com a vacina a circular, muitos regressem aos céus nas férias, mas nem todos concordam com uma retoma a curto prazo das companhias aéreas

Boa parte das companhias mantiveram as suas rotas, fazem é muito menos voos em cada uma. A Lufthansa, por exemplo, está a negociar com os fabricantes trocar a encomenda que já fez de aviões maiores por outros mais pequenos.

O número de passageiros o ano passado foi em todo o mundo praticamente igual ao de 2003.

Últimas Notícias
Mais Vistos