André Ventura

Ventura promete subsídio de risco de 300 euros para polícias

24.01.2022 21:03

epa09707061 Far-right Party Chega leader Andre Ventura speaks during an electoral campaign for the 2022 Legislative Elections, in Guimaraes, Portugal, 24 January 2022. Early legislative elections will take place on 30 January 2022 to elect a new government and the members of the parliament after the budget proposed by the Socialist minority government was rejected by the Assembly of the Republic on 27 October 2021. EPA/OCTAVIO PASSOS

André Ventura quer fazer nascer uma nova maioria de direita em Guimarães, mas não reúne consenso.

André Ventura promete um subsídio de risco para as polícias no valor de 300 euros. Numa arruada, em Guimarães, o líder do Chega ouviu desabafos dos lesados da banca.

A ação de campanha contou com dezenas de apoiantes. Ventura ouve quem se sente roubado e promete resolver o problema: entregar os bens de Ricardo Salgado e de outros serem usados para pagar aos lesados. Faltou explicar que as casas, contas e pensões que estavam arrestadas já têm ordem de execução para pagar uma caução ao Banco de Portugal.

Na cidade que é berço da nação, André Ventura quer fazer nascer uma nova maioria de direita. Mas não reúne consenso.

O líder do Chega defendeu a criação de um subsídio de risco de 300 euros para as forças policias já em 2022, comprometendo-se a apresentar uma proposta nos primeiros seis meses.

Acompanhe o especial Eleições Legislativas

Saiba mais:

Últimas Notícias