Eleições Autárquicas

Autárquicas. António Costa assume querer alargar o poder socialista no distrito do Porto

Partido Socialista é poder em 11 dos 18 municípios e o secretáiro-geral do PS garante que quer vencer nos restantes.

António Costa assume que quer alargar o poder socialista do distrito do Porto. O PS é poder em 11 dos 18 municipios, e o secretário-geral garante que quer vencer nos restantes, onde se inclui a Câmara Municipal do Porto.

Neste grupo de municípios, em que o PS não é poder, está a Câmara Municipal do Porto liderada por Rui Moreira.

Esta sexta-feira, foi a primeira vez que António Costa apareceu ao lado do candidato do PS à Câmara do Porto, mais de um mês depois do anúncio da candidatura. No entanto, desta vez, o motivo da presença do secretário-geral do PS também não foi Tiago Barbosa Ribeiro em particular, mas todos os candidatos do Porto em geral.

O secretáiro-geral do PS destaca ainda o papel das autarquicas no combate à pandemia, a importância do plano de recuperação e resiliência e os últimos números do desemprego.

  • Confidentes de alunos e cúmplices de professores: o braço contínuo

    País

    Chamam-lhes “funcionários” porque funcionam. A expressão até parece sugerir que eles são os únicos que “funcionam”, dentro de uma escola. Acalmem-se os tolos. Significa apenas que os “assistentes operacionais”, ou “auxiliares de ação educativa”, títulos mais pomposos do que “contínuos” – expressão que estimo muito - são pau para toda a colher.

    Opinião

    Rui Correia

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros