Eleições Autárquicas

Sondagem: luta renhida em Coimbra com empate técnico entre PS e PSD

A pouco mais de duas semanas das eleições autárquicas, a sondagem do ICS e do ISCTE para a SIC e Expresso mostra que a luta em Coimbra está renhida. As intenções de voto revelam um empate técnico entre Manuel Machado, o candidato socialista, e José Manuel Silva, o candidato da coligação liderada pelo PSD. 

A sondagem revela uma curta diferença de apenas um ponto entre Manuel Machado, atual presidente da câmara, e candidato a um terceiro e último mandato pelo PS, e José Manuel Silva, o candidato independente que lidera uma vasta coligação encabeçada pelo PSD.

Em terceiro lugar surge outro independente, Jorge Gouveia Monteiro, o candidato com o apoio do Bloco de Esquerda. E em quarto, Francisco Queirós, candidato pela CDU, com 7% das intenções de voto. Os estreantes Miguel Marques, do Chega, e Tiago Meireles Ribeiro, do Iniciativa Liberal, colhem a preferência de 3% dos inquiridos, numa altura em que há pelos menos 30% que ainda não sabem em quem vão votar no dia 26 de setembro.

O desempenho do executivo socialista, que governa a autarquia desde 2013, divide opiniões: se é positivo para mais de metade dos inquiridos, os que o consideram mau ou mesmo muito mau chegam aos 43%.

Combate à corrupção e impostos municipais são as áreas que mais críticas recolhem por parte dos munícipes que, em contrapartida, consideram bastante positivo o trabalho feito na segurança da cidade.

Na comparação com outras capitais de distrito da região centro, 43% entendem o que Coimbra tem feito pior para combater a redução de população residente, 30% acham que fez igual e só 5% consideram que tem feito melhor.

Apostar no metro de superfície recolhe a preferência de 34% dos inquiridos, mas 25% acham que os autocarros elétricos são o futuro. Sobre outro tema que preocupa os conimbricenses, a localização da nova maternidade, as opiniões também se dividem: 41% gostariam de a ver junto ao hospital dos Covões, mas quase tantos preferiam que fosse junto ao hospital universitário de Coimbra.


FICHA TÉCNICA

Estudo coordenado pelo ICS e pelo ISCTE.

Universo de indivíduos de ambos os sexos, com idade igual ou superior a 18 anos e capacidade eleitoral ativa, recenseados no município de Coimbra, selecionados através do método de quotas.

Informação recolhida através de entrevista telefónica.

Trabalho de campo realizado pela GfK Metris entre 31 de agosto e 2 de setembro de 2021.

Contactados 3109 números de telefone / telemóvel.

606 entrevistas válidas.

Margem de erro máxima de +/- 4%, com um nível de confiança de 95%.

ESPECIAL AUTÁRQUICAS