Coronavírus

Escritor Luis Sepúlveda está em coma

Escritor chileno esteve seis dias em Portugal antes de ser diagnosticado com Covid-19.

Especial Coronavírus

O escritor Luis Sepúlveda está em coma induzido desde terça-feira por precaução e com respiração assistida devido aos efeitos do novo coronavírus, confirmou à SIC fonte da Porto Editora.

De acordo com o grupo editorial, que está em constante contacto com a família do escritor chileno, apesar do coma, Sepúlveda está a apresentar melhorias no estado geral de saúde, sendo que um dos pulmões já está a funcionar "de forma normal".

Sepúlveda foi colocado em coma como medida de estabilização do tratamento que está a receber.

O escritor chileno sentiu os primeiros sintomas dois dias depois de ter passado pelo festival literário Correntes d'Escritas, na Póvoa de Varzim, em Portugal.

Luís Sepúlveda regressou a casa, em Oviedo, Espanha, onde no início do mês começou a sentir-se mal. Procurou ajuda médica, com sinais de pneumonia, e foi diagnosticado com Covid-19.

O escritor está internado no Hospital das Astúrias.

Luís Sepúlveda esteve 6 dias em Portugal antes de ser diagnosticado com Covid-19