Coronavírus

Doentes e funcionários do Hospital do SAMS foram infetados

A entidade remeteu a contabilização das situações para as autoridades de saúde.

Especial Coronavírus

Doentes e profissionais de saúde do Hospital do SAMS foram infetados com o novo coronavírus, anunciou esta segunda-feira a instituição, garantindo que foram adotadas todas as medidas para minimizar a propagação do vírus.

A direção clínica do SAMS reuniu-se no domingo com as autoridades de saúde e foi feita uma avaliação da situação, tendo sido adotadas todas as previstas no plano de contingência, de acordo com um comunicado emitido pela instituição.

"O conselho de gerência e a comissão executiva dos SAMS solicitam a todos os beneficiários e utentes dos SAMS a maior compreensão para o momento que o país e o mundo atravessam", lê-se no documento, em que é feito um apelo para a "máxima colaboração para o cumprimento das orientações estabelecidas pelas autoridades competentes e aquelas que os SAMS têm divulgado junto dos seus beneficiários e utentes".

A Lusa contactou o SAMS para tentar saber o número de casos, mas a entidade remeteu a contabilização das situações para as autoridades de saúde.

"Todos os casos são comunicados à autoridade de saúde responsável, por forma a centralizar a informação nos serviços", disse a fonte contactada pela agência, acrescentando que estão a ser tomadas todas as medidas possíveis para informar as pessoas e conter a propagação do vírus.

Em Portugal, a Direção-Geral da Saúde reportou hoje 331 casos de pessoas infetadas.

Veja também:

  • 2:34