Coronavírus

Estado de emergência: o que muda nos estabelecimentos e serviços?

A grande maioria dos estabelecimentos comerciais encerra.

Saiba mais...

O Governo anunciou esta quinta-feira algumas das medidas do estado de emergência. A partir de agora, os espaços comerciais com atendimento ao público são obrigados a fechar.

Supermercados, farmácias, bancos e bombas de gasolina mantêm-se abertos.

O primeiro-ministro garante ainda que não vai haver racionamento de produtos alimentares.

Consulte aqui outras medidas definidas para o estado de emergência

Veja também:

  • 14:54