Coronavírus

No norte de Itália morreu o dobro de pessoas comparado com a média dos útimos cinco anos

Os dados são do Instituto de Estatística de Itália.

Nos primeiros 21 dias de março, no norte do país, a taxa de mortalidade duplicou, face ao mesmo período dos últimos 5 anos.

Em Bergamo, a região mais afetada, os números mostram que morreram quase quatro vezes mais pessoas do que o normal.

Ao todo, o país já conta mais de 13 mil mortos. Também há, cada vez mais pessoas curadas e os casos de infeção estão a diminuir a cada dia. Mas, com 80 mil e 500 casos positivos, Itália ainda tem um longo caminho a percorrer até poder pensar em regressar à normalidade.

SIGA AQUI AO MINUTO AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES SOBRE O NOVO CORONAVÍRUS

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros