Coronavírus

Qual a eficácia dos diferentes modelos de máscaras?

Qual a eficácia dos diferentes modelos de máscaras?

Há vários tipos, o importante é saber para que servem e a quem se destinam.

Especial Coronavírus

As máscaras cirúrgicas, que são as mais comuns e as que podem servir a população em geral, não oferecem uma proteção total, porque não evitam a passagem de pequenas gotículas. Podem ser utilizadas em situações de baixo risco, como idas a supermercados ou farmácias.

Numa categoria diferente estão as máscaras N95 (designação utilizada nos Estados Unidos) ou FFP2 (nome que assumem na Europa), que são máscaras para uso profissional e oferecem proteção contra 95% das partículas.

No último patamar surgem as máscaras FFP3, também de uso profisisonal e destinam-se a situações de alto risco. Oferecem uma proteção quase total filtrando 99% de todas as partículas.

As autoridades de saúde recomendam que este tipo de máscaras FFP2 e FFP3 fiquem reservadas para os profissionais de saúde e para os que estão na linha da frente no combate à pandemia.

SIGA AQUI AS ÚLTIMAS INFORMAÇÕES DA PANDEMIA DE COVID-19

ESPECIAL CORONAVÍRUS