Coronavírus

Subiu para cinco número de mortes em lar de Vila Nova de Foz Côa

Dois homens e três mulheres, entre os 85 e os 100 anos.

Especial Coronavírus

O número de mortes associadas ao vírus da Covid-19 no Lar Nossa Senhora da Veiga, em Foz Côa, subiu esta terça-feira para cinco, disse à Lusa fonte da Unidade de Saúde Pública (USP) da Guarda.

"Trata-se de uma senhora de 92 anos que estava internada no Hospital da Guarda", precisou a delegada da USP da Guarda, Ana Viseu.

Segundo a USP da Guarda, a idade das vítimas mortais naquele lar, gerido pela Misericórdia de Vila Nova de Foz Côa, dois homens e três mulheres, situa-se entre os 85 e os 100 anos.

Este lar encontra-se em regime de isolamento, tendo já sido alvo de um processo de desinfeção levado a cabo por uma empresa especializada, medida que foi estendida a outros locais daquela cidade do Douro Superior.

O primeiro foco de infeção neste lar foi registado no dia 25 de março.Segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde, registaram-se 345 mortes, mais 34 do que na véspera (+10,9%).

Dos infetados, 1.180 estão internados, 271 dos quais em unidades de cuidados intensivos, e há 184 doentes que já recuperaram.

Portugal, onde os primeiros casos confirmados foram registados no dia 02 de março, encontra-se em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até ao final do dia 17 de abril, depois do prolongamento aprovado na quinta-feira na Assembleia da República.

  • Uma Casa Cheia
    13:06