Coronavírus

Trump garante ter visto provas de que o coronavírus saiu do Instituto de Virologia de Wuhan

Presidente norte-americano não as revela. China rejeita acusações.

Especial Coronavírus

Donald Trump garante ter visto provas que mostram que o novo coronavírus saiu do Instituto de Virologia de Wuhan, a cidade onde o surto teve início.

Trump contraria assim os serviços de inteligência dos Estados Unidos, que ainda ontem emitiram um comunicado dizendo estar ainda a investigar a origem da pandemia.

A China contesta as afirmações do Presidente norte-americano, mas ainda não permitiu que os especialistas da Organização Mundial da Saúde tivessem acesso ao que já descobriu sobre o vírus.

  • Não estou de acordo

    Opinião

    Não estou de acordo com métodos medievais para enfrentar uma pandemia. Se os vírus evoluíram, a organização da sociedade também deveria ter evoluído o suficiente para os combater de outra forma. O recolher obrigatório é próprio dos tempos obscuros e das sociedades não democráticas. Proibir as pessoas de circular na rua asfixia a economia e não elimina a pandemia.

    José Gomes Ferreira