Coronavírus

Trump explica que remdesivir será usado em pacientes em estado grave

Os EUA aprovaram o uso do medicamento contra o novo coronavírus.

Especial Coronavírus

Os Estados Unidos autorizaram o uso de um medicamento antiviral no combate à Covid-19, apesar da empresa produtora do fármaco ter alertado que ainda não está comprovada a devida eficácia.

Donald Trump anunciou a entrada do medicamento nos hospitais norte-americanos, mas garante que só será utilizado em pacientes que estiverem em estado grave.

A Administração Federal de Alimentos e Medicamentos dos Estados Unidos admite que a informação sobre o fármaco é limitada, mas que alguns testes indicam que pode ajudar a uma recuperação mais rápida dos pacientes.

  • Não estou de acordo

    Opinião

    Não estou de acordo com métodos medievais para enfrentar uma pandemia. Se os vírus evoluíram, a organização da sociedade também deveria ter evoluído o suficiente para os combater de outra forma. O recolher obrigatório é próprio dos tempos obscuros e das sociedades não democráticas. Proibir as pessoas de circular na rua asfixia a economia e não elimina a pandemia.

    José Gomes Ferreira