Coronavírus

Escolas reclamam verbas para garantir desinfeção no regresso às aulas

Exclusivo SIC

Escolas reclamam verbas para garantir desinfeção no regresso às aulas

Os professores estão preocupados com o regresso ao trabalho.

Especial Coronavírus

As escolas estão preocupadas com o regresso às aulas, marcado para o próximo dia 18 de maio, e dizem que ainda não receberam do Governo qualquer orientação sobre a forma como as aulas vão decorrer e que só com mais dinheiro conseguirão ter meios para garantir a desinfeção das escolas.

O Ministério da Educação vai enviar esta terça-feira para as escolas orientações com medidas para que possam receber os alunos do ensino secundário, anunciou no Parlamento o ministro Tiago Brandão Rodrigues.

Dentro de duas semanas, os alunos do 11.º e 12.º anos deverão voltar a ter aulas presenciais às disciplinas a que realizarem exames nacionais, depois de mais de um mês e meio com apenas aulas à distância devido à pandemia de Covid-19.

O regresso às aulas presenciais em época de pandemia obriga a novas regras, como a divisão das turmas por várias salas de aula ou a forma de aceder aos espaços, e essas orientações "vão chegar ainda hoje às escolas", revelou o ministro da Educação durante a audição na Comissão de Educação, Ciência, Juventude e Desporto.

São "medidas gerais para a organização das escolas, mas também medidas especificas, que foram trabalhadas com as organizações de saúde", explicou Tiago Brandão Rodrigues.

Como organizar a presença de alunos em cada um dos espaços, como definir o acesso ao recinto escolar, qual a situação em cada sala de aula, que medidas pôr em prática se surgir um caso suspeito são algumas das regras previstas no documento, explicou Tiago Brandão Rodrigues.

A higienização das escolas, o funcionamento dos refeitórios escolares assim como medidas que respeitem os alunos e os trabalhadores, tendo em conta a sua idade e doenças, são outros dos pontos previstos no documento.

"É preciso garantir a saúde publica em primeiro lugar", disse o ministro.

ACOMPANHE AQUI AO MINUTO AS INFORMAÇÕES SOBRE A PANDEMIA DE COVID-19

ESPECIAL CORONAVÍRUS