Coronavírus

Singapura testa robô para vigiar a distância social

O famoso "cão amarelo", da Boston Dynamics, começa a patrulhar uma parque no fim-de-semana. Se a experiência correr bem, seguem-se outras zonas.

Especial Coronavírus

Chama-se Spot. É amarelo e preto, tem quatro "patas" e é a mais recente aposta de Singapura para garantir que os cidadãos cumprem a distância social.

O anúncio foi feito pelo Governo esta sexta-feira. A ideia é que o robô comece já este fim de semana a vigiar o comportamento de quem visita um parque local, transmitindo em simultâneo uma mensagem pré-gravada onde alerta para a importância das pessoas se manterem afastadas umas das outras.

O dispositivo, equipado com câmaras que vão também rastrear os arredores do parque, vai ajudar as autoridades a estimar o número de pessoas reunidas em àreas de lazer.

"Essas câmaras não serão capazes de rastrear e/ou reconhecer indivíduos específicos, e nenhum dado pessoal será recolhido", salvaguardou o Governo, em comunicado .

Atualmente, o projeto piloto está programado para ser executado ao longo de duas semanas, apenas naquela zona e fora do horário de maior afluência.

Além disso, e pelo menos por enquanto, um guarda florestal estará a patrulhar a área juntamente com o robô. Se tudo correr bem, as autoridades admitem a hipótese de expandir o programa.

A nova medida surge numa altura em que o país volta a enfrentar um aumento alarmante do número de contágios, depois de ter chegado a ser visto como um exemplo na resposta à pandemia de Covid-19.

Desde 17 de março, o número de casos confirmados de coronavírus aumentou de 266 para 21.707, segundo dados da Universidade John Hopkins.

À medida que a situação vem piorando, o Governo tem recorrido cada vez mais a tecnologia para controlar a taxa de contágio. Em março, as autoridades lançaram uma aplicação para telemóvel com o objectivo de rastrear os contactos entre utilizadores, ajudando-os a descobrir se estiveram próximos de alguém infetado.

Agora, além de vigiar a distância entre as pessoas, o Spot está a ser utilizado para levar a medicação aos pacientes num edifício utilizado para isolamento.