Coronavírus

Árbitros e assistentes testados pela FPF com resultados negativos

Reuters Staff

Com o regresso da competição para fim de maio, os árbitros também regressaram aos treinos.

Saiba mais...

Os testes a 26 árbitros e assistentes e 13 elementos do staff da Unidade Saúde e Performance e Conselho de Arbitragem (CA) deram negativo para Covid-19, disse à Lusa fonte do CA da Federação Portuguesa de Futebol (FPF).

Os testes à Covid-19 são uma das medidas impostas pela FPF para o regresso dos árbitros de futebol aos treinos, previsto para segunda-feira.

O regresso aos treinos dos 21 árbitros da categoria principal (C1), dos 12 árbitros da C2 elite, dos 40 assistentes da categoria ACC1 e dos três videoárbitros (VAR), foi anunciado na quinta-feira pela FPF.

O árbitro Fábio Veríssimo, da Associação de Futebol de Leiria, testou positivo para a Covid-19 em 4 e 20 de abril, tendo sido considerado recuperado em 5 de maio, depois de dois testes negativos.

Com o fim do estado de emergência no dia 3 de maio, o Governo autorizou o regresso dos jogos à porta fechada da principal competição de futebol, no fim de semana de 30 e 31 de maio, numa decisão que, no entanto, está dependente de aprovação da Direção-Geral da Saúde (DGS).

  • "Quando estou com os avós sinto-me feliz"

    Desafios da Mente

    As investigações apontam que as crianças que têm avós envolvidos na prestação de cuidados podem ter melhores índices de saúde mental, como uma redução do risco de sintomas depressivos e de comportamentos desviantes, bem como melhor desenvolvimento cognitivo. Em Portugal, o Dia dos Avós celebra-se a 26 de julho. A data foi instituída pela Assembleia da República, em 2003.

    Mauro Paulino