Coronavírus

Pequenos focos de infeção na China fazem soar o alarme

O país quer travar a segunda vaga do novo coronavírus.

Especial Coronavírus

Em Wuhan, o epicentro da pandemia, os responsáveis temem que o vírus nunca tenha deixado de circular. Por isso mesmo, vão ser testadas 11 milhões de pessoas nos próximos 10 dias.

A China e a Coreia do Sul podem estar a enfrentar o início da segunda vaga, um mês depois de ter sido levantado o confinamento.

ESPECIAL CORONAVÍRUS