Coronavírus

Confrontos em avião russo depois de passageiro desrespeitar distância de segurança

Medo de possível contágio fez com que ninguém conseguisse separar os dois homens.

Especial Coronavírus

O Airbus A320 da companhia russa Ural Airlines tinha acabado de aterrar em Moscovo, vindo de Sochi, quando um passageiro se levantou do lugar, retirou a sua mala do compartimento de arrumação e dirigiu-se à porta de saída, desrespeitando as medidas de segurança.

Ao deslocar-se pelo corredor, com a aeronave ainda em movimento, o passageiro, em desequilíbrio, embateu em várias pessoas que ainda se encontravam sentadas.

De acordo com uma das passageiras, um homem incomodado com o comportamento do passageiro alertou-o e os dois passaram de confrontos verbais a físicos.

A violência dos atos, mas também o medo de um possível contágio do vírus, fez com que ninguém conseguisse separar os dois homens.

A Rússia é um dos países mais afetados pela pandemia, com um total de mais de 360 mil infetados pelo novo coronavírus e 3.807 óbitos associados à Covid-19.