Coronavírus

Cancelamento dos Santos Populares faz de Alfama um bairro silencioso

Por esta altura, turistas e populares dançavam ao som das marchas.

Especial Coronavírus

Os moradores e comerciantes do bairro de Alfama, em Lisboa estão a viver um momento difícil com a proibição das marchas populares por causa da pandemia da Covid-19.

O silêncio incómoda os que estavam habituados a ver alfama cheia de vida, com as esplanadas repletas de turistas e o elétrico 28 a circular cheio de gente.

Depois de meses de confinamento, o comércio abriu as portas há duas semanas, no entanto os lojistas queixam-se que há falta de turistas e que o bairro se tornou num lugar vazio.