Coronavírus

Itália regista mais 22 mortos e 174 novas infeções nas últimas 24 horas

RICCARDO ANTIMIANI

Metade das novas infeções estão na região da Lombardia.

Especial Coronavírus

Itália regista este domingo mais 22 mortos por covid-19 do que no sábado, totalizando 34.738 vítimas mortais, e mais 174 novas infeções, divulgou a Proteção Civil italiana.

No total, 240.310 pessoas foram infetadas em Itália desde 21 de fevereiro, quando foi registada a primeira infeção de covid-19.

Segundo os dados da Proteção Civil italiana, os 22 mortos registados hoje são dos menores aumentos registados desde o início da crise.

As 174 novas infeções registadas nas últimas 24 horas representam também um dos menores aumentos e estão em linha com os 175 novos casos verificados no sábado.

A Proteção Civil refere que metade dessas infeções estão na região da Lombardia (norte de italiana), a mais afetada pela pandemia.

Atualmente, existem 16.681 pessoas infetadas com a covid-19 em Itália, menos 155 do que no sábado, estando a maioria em isolamento em casa e com sintomas ligeiros.

Apesar desta redução, as autoridades italianas estão a acompanhar de perto a evolução de alguns surtos que surgiram em várias partes do país, nomeadamente num bloco de apartamentos nos arredores de Nápoles, onde 42 imigrantes búlgaros testaram positivo.

A cidade de Bergamo (norte), uma das mais afetadas, vai homenagear hoje à noite junto às portas dos cemitérios as pessoas que morreram com a covid-19, numa cerimónia que contará com a presença do chefe de Estado italiano.