Coronavírus

Marcelo diz que não é altura de criticar autoridades no combate à pandemia

Depois das declarações de Fernando Medina.

Especial Coronavírus

O Presidente da República entende que esta não é a altura de criticar as autoridades de saúde que estão na linha da frente do combate à pandemia.

Marcelo Rebelo de Sousa responde assim às declarações de Fernando Medina, que acusou as autoridades de saúde de falharem.

O Presidente da Câmara de Lisboa diz mesmo que, se os resultados não melhorarem, deve haver alteração nas chefias.

PSD também reagiu

O PSD também reagiu esta terça-feira às declarações de Medina, defendendo que o próprio Presidente da Câmara de Lisboa deveria ser consequente com a sua afirmação demitir-se.

O partido recorda ainda que o chefe do Executivo da capital "não quis distribuir máscaras à sua população, facto que teria sido fundamental para evitar a propagação, por exemplo, nos bairros municipais" e "rejeitou medidas especiais de emergência para Lisboa", tendo desclassificado "quem as propôs".