Coronavírus

MAI diz que decisão de Reino Unido de excluir Portugal não tem fundamento

Portugal Continental fora do corredor turístico de Inglaterra.

Especial Coronavírus

O ministro da Administraçao Interna recusou aplicar um regime retaliatório ao Reino Unido quanto à obrigação de quarentena estabelecida esta sexta-feira pelo Boverno britâncio.

Eduardo Cabrita disse que a decisão tomada em Londres esta hoje não tem fundamento.

Portugal Continental fora do corredor turístico de Inglaterra

Portugal foi excluído dos "corredores de viagem internacionais" com destinos turísticos que o Reino Unido vai abrir para permitir aos britânicos passarem férias sem cumprir quarentena no regresso.

Portugal, onde foram identificados vários surtos localizados nas últimas semanas, não está na lista de 59 países e territórios hoje publicada, que inclui Espanha, Alemanha, Grécia, Itália, Macau ou Jamaica.

A decisão foi confirmada esta tarde pelo Governo britânico e lista já foi divulgada (consulte).