Coronavírus

México regista 665 mortes por Covid-19 em 24 horas

Cidade do México.

Rebecca Blackwell

Cidade do México representa um quinto de todos os casos confirmados no país.

Especial Coronavírus

O México registou 665 mortos e 6.891 casos da Covid-19 nas últimas 24 horas, elevando o total de óbitos para 34.191 e o de infetados para 289.174 desde o início da pandemia.

As autoridades de saúde mexicanas indicaram, na sexta-feira, que 2.302 mortes são consideradas suspeitas, aguardando-se análises laboratoriais para se confirmar a causa do óbito.

O número de casos registados na sexta-feira é o terceiro maior no México desde que a pandemia começou.

As cinco entidades com o maior número de casos acumulados são a Cidade do México (56.602), Estado do México (41.529), Tabasco (13.999), Puebla (13.752) e Veracruz (13.293), disseram as autoridades.

Só a Cidade do México representa um quinto de todos os casos confirmados no país; é também a primeira em casos ativos com 4.666 e em mortes (7.579).

A pandemia de Covid-19 já provocou mais de 556 mil mortos e infetou mais de 12,36 milhões de pessoas em 196 países e territórios, segundo um balanço feito pela agência francesa AFP.

Em Portugal, morreram 1.646 pessoas das 45.679 confirmadas como infetadas, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

  • Covid-19. Conselho de Ministros anuncia hoje novas medidas

    Coronavírus

    Portugal regista este sábado um novo máximo de internados em cuidados intensivos. O Conselho de Ministros está reunido e vai decretar "ações imediatas" de controlo da pandemia. O recolher obrigatório é uma das propostas do Governo. Os EUA continuam a ser o país mais afetado pela Covid-19. No Mundo há registo de mais de 45 milhões de infetados e 1,1 milhões de mortes.

    Ao Minuto

    SIC Notícias