Coronavírus

Mais de 20 lares de idosos com surtos de Covid-19 ativos em todo o país

Andrea Comas

A maioria na região de Lisboa e Vale do Tejo.

Especial Coronavírus

A Direção-Geral da Saúde (DGS) avançou hoje que neste momento há 23 lares de idosos com surtos ativos de covid-19 em todo o país, sendo a maioria na região de Lisboa e Vale do Tejo.

"No total do país, lares com surtos ativos são 23, incluindo o surto de Reguengos de Monsaraz", disse a diretora-geral da Saúde, Graça Freitas, na conferência de imprensa de atualização da situação da pandemia de covid-19 em Portugal.

Segundo Graça Freitas, 19 surtos estão na região de Lisboa e Vale do Tejo e quatro na região Norte.

Na conferência de imprensa, a ministra da Saúde foi questionada sobre o surto no lar Residência Montepio, no Porto, e que foi conhecido pelas autoridades de saúde a 27 de julho.

De acordo com Marta Temido, o surto fez 29 infetados entre os 108 utentes do lar. Desse número, 26 foram hospitalizados e, até ao momento, registaram-se 16 óbitos, 14 dos quais no Centro Hospitalar Universitário do Porto e dois nas instalações do lar.

A ministra disse ainda que está atualmente em curso um novo rastreio e sustentou que o surto "ainda não está encerrado".

Questionada ainda sobre a taxa de mortalidade registada em agosto, a diretora-geral da saúde esclareceu que "foi a esperada" e "não houve qualquer fenómeno de excesso de mortalidade".

Portugal regista hoje mais três mortos e 390 novos casos de infeção por covid-19, em relação a terça-feira, segundo o boletim epidemiológico diário da Direção-Geral da Saúde (DGS).

De acordo com o boletim, desde o início da pandemia até hoje registam-se 58.633 casos de infeção confirmados e 1.827 mortes.

Os dados da DGS indicam que as três vítimas mortais foram registadas na região de Lisboa e Vale do Tejo, que contabiliza 30.208 casos (mais 168) e 671 mortos.

  • 21:07