Coronavírus

Aumento de novos casos de covid-19 obriga a Europa a implementar novas medidas

A República Checa já anunciou que vai declarar o estado de emergência e a Eslováquia prepara-se para fazer o mesmo. O aumento de novos casos de covid-19 está a obrigar países como a França e a Holanda a implementarem novas medidas. Em Espanha, a situação piora a cada dia que passa, sobretudo em Madrid.

Especial Coronavírus

Itália pondera prolongar estado de emergência

A Itália registou 1.648 novas infeções de covid-19 nas últimas 24 horas, cerca de 200 mais do que na segunda-feira, mas foram realizados mais de 90.000 testes, quase o dobro do dia anterior, segundo dados do Ministério da Saúde.

Foram também registadas 24 mortes, em comparação com as 16 de segunda-feira, elevando o total de óbitos para 35.875, sendo que o total de contágios desde o início, em fevereiro, da pandemia, ultrapassa os 313.000 no país.

Embora Itália mantenha a pandemia relativamente controlada na segunda fase -- ao contrário dos países vizinhos -- o número de pacientes internados com sintomas está a aumentar aos poucos e são já 3.048 em todo o país, enquanto o número de internados em Unidades de Cuidados Intensivos é de 271 e a maioria dos infetados, mais de 47.000, estão isolados em casa.

Apesar destes dados, há indícios crescentes de que o estado de emergência, decretado a 31 de janeiro, vai ser prolongado para além de 07 de outubro data agora em vigor, a fim de permitir o Governo italiano tomar rapidamente decisões e medidas para parar o contágio.

Reino Unido registou 7.143 novas infeções e 71 mortes num dia

O Reino Unido registou 7.143 novas infeções pelo novo coronavírus, um novo recorde diário, e 71 mortes de covid-19 nas últimas 24 horas, informou o ministério da Saúde britânico.

Na segunda-feira tinham sido registados 4.044 novos casos e 13 mortes, mas a demora no processo administrativo leva a que os números durante o fim-de-semana sejam frequentemente mais baixos.

O total acumulado desde o início da pandemia de covid-19 no Reino Unido é agora de 446.156 casos de contágio confirmados e para 42.072 óbitos num período de 28 dias após um teste positivo.

Ainda assim, o governo britânico tem vindo a tomar várias medidas e a impor restrições para tentar travar uma segunda onda, tendo proibido ajuntamentos superiores a seis pessoas, recomendado o teletrabalho e decretado o encerramento de bares e restaurantes às 22:00 horas.