Coronavírus

Covid-19. Brigada de intervenção vai apoiar lar de Bragança

Maioria dos utentes testou positivo.

Praticamente todos os utentes de um lar em Montalegre estão infetados com covid-19. Mas a situação mais preocupante é em Bragança, onde há 108 casos confirmados num lar: 96 utentes e 12 funcionárias.

Foi já solicitada a ajuda de uma brigada de intervenção nos lares, também com médico e enfermeiro, para colmatar a falta de funcionárias.

Todas as valências da misericórdia de Bragança, de idosos e de infância, vão ser testadas, revela o autarca. O número de casos faz temer o contágio comunitário.

Surto em Barcelos

Também a misericórdia de Barcelos revelou que tem utentes e funcionários contaminados, num lar e numa valência de infância.

Salto, Montalegre

Em Salto, concelho de Montalegre, as autoridades de saúde entenderam retirar todos os utentes de um lar para a respetiva desinfeção. Vão ser colocados temporariamente noutros espaços da região.

Estão quase todos infetados e metade das funcionárias está que quarentena. Há a suspeita de que o surto esteja relacionado com uma excursão de um grupo local a Fátima, no dia 12 de setembro.

Há 350 surtos no país

A Direção-Geral da Saúde contabiliza cerca de 350 surtos no país, mas as pessoas com mais de 70 anos representam apenas 15% dos casos positivos.

  • O planeta em que todos vivemos

    Futuro Hoje

    O Planeta Lourenço terá que ser ainda mais simples e eficaz na mensagem. É um risco. Frequentemente, quando me mostram aparelhos ou programas as coisas falham, é o que chamo de síndrome da demonstração. Mas isto acontece na vida real, é assim que vamos fazer.

    Opinião

    Lourenço Medeiros