Coronavírus

Covid-19. Dois médicos e um funcionário do Hospital de Santarém terão violado isolamento obrigatório

Denúncia foi feita à SIC pelo diretor clínico do hospital.

Especial Coronavírus

O diretor clínico do Hospital de Santarém denunciou à SIC que dois médicos e um funcionário administrativo daquele hospital violaram o isolamento obrigatório. Foram vistos em espaço público já depois de saberem que estavam infetados com o novo coronavírus.

A denúncia é grave e se vier a ser provada pode mesmo constituir um crime de desobediência ou mesmo de propagação de doença, que no limite é púnivel com uma pena de prisão até cinco anos.

Questionado se o hospital vai avançar com uma denúncia contra os profissionais, Paulo Sintra afirma que os casos serão reportados à Autoridade de Saúde Local.

O Hospital de Santarém vive neste momento um dos maiores surtos em unidades hospitalares. Tem mais de 30 profissionais infetados, a maioria são enfermeiros, mas contam-se também, pelo menos, três médicos. Em quarentena estão cerca de 80 profissionais de saúde.

  • 0:43