Coronavírus

Covid-19. Anthony Fauci admite vacina até ao final do ano

Um dos principais rostos do combate à pandemia nos EUA diz que a vacina poderá ficar pronta no final de novembro, mas lembra que a distribuição só ocorrerá em 2021.

Especial Coronavírus

Anthony Fauci, um dos principais rostos do combate à pandemia nos EUA, acredita que a vacina para a covid-19 poderá ficar pronta no final de novembro.

Em entrevista à BBC, o diretor do Instituto Nacional de Alergias e Doenças Infecciosas dos EUA admitiu que será possível saber se existe uma vacina "segura e eficaz" entre o final de novembro e o início de dezembro. Mas Anthony Fauci lembra que a quantidade de doses que poderá estar disponível em dezembro não será suficiente para vacinar toda a gente.

O país já totaliza mais de 8,6 milhões de infetados e mais de 225 mil mortes. A Índia e o Brasil são, logo a seguir aos EUA, os países com mais mortes e mais casos de infeção. Para a estatística entra agora, também, o craque do futebol brasileiro Ronaldinho Gaúcho que testou positivo.

  • 0:43