Coronavírus

Covid-19. Surto em lar de Trancoso já atinge 64 pessoas

DR

Todos estão assintomáticos ou com sintomas ligeiros.

Especial Coronavírus

São já 48 os utentes e 16 os funcionários infetados com Covid-19 no Lar de Santa Catarina da Liga de Melhoramentos da Freguesia de Reboleiro, no concelho de Trancoso, na Guarda.

Numa primeira fase, 37 idosos e 6 funcionários testaram positivo, mas agora que foi concluída a testagem em todo o Universo da Instituição Particular de Solidariedade Social( IPSS) e analisados os resultados, conclui-se que mais de metade dos utentes do lar e quase um terço das funcionárias são portadores do vírus.

O referido lar emprega 65 pessoas tendo a cargo 120 utentes. 80 pessoas residem no lar e 40 recebem apoio domiciliário na aldeia de Reboleiro e povoações vizinhas.

No Lar da Santa casa da Misericórdia foi também concluída a testagem a cerca de 260 pessoas entre idosos e funcionários e ninguém positivou para o novo coronavírus. A identificação da infeção por Covid-19 numa colaboradora terá sido caso isolado.

Em Vila Cortês do Mondego, no concelho da Guarda a Saúde Pública ainda não testou os cerca de 70 idosos apoiados pelo lar e centro de dia de São Domingos. A instituição testou toda a gente a expensas próprias e depois de 5 idosos e 5 funcionárias testarem positivo receberam a confirmação de que voltariam a ser testados, mas até ao momento ainda não foi marcada qualquer data.

No lar do Sabugueiro, há 21 utentes e 6 funcionários infetados que somam a outro surto entre 5 funcionárias do centro paroquial de Seia. O concelho tem agora 57 casos ativos.

No relatório epidemiológico de ontem, o distrito da Guarda registava 810 casos, sendo que 492 , mais de metade, estão identificados no concelho da Guarda. Nos últimos 5 dias, e em toda a área de abrangência da ULS da Guarda, foram contabilizados mais 354 novos casos de infeção, havendo 46 internados, sete dos quais em Cuidados intensivos.

  • O primeiro dia de Web Summit 

    Web Summit

    Acompanhe aqui as palestras do palco principal. Neste primeiro dia, passam pelo palco nomes como Paddy Cosgrave, CEO e fundador da Web Summit, o primeiro-ministro António Costa, Ursula von der Leyen, presidente da Comissão Europeia, ou a atriz Gwyneth Paltrow.

    Em Direto

    SIC Notícias