Coronavírus

Covid-19. Presidente da República em isolamento profilático preventivo

TIAGO PETINGA

Marcelo Rebelo de Sousa teve contacto com elemento da Casa Civil que testou positivo.

Especial Coronavírus

O Presidente da República encontra-se em isolamento profilático preventivo depois de ter tido contacto, na passada segunda-feira, com um elemento da Casa Civil que testou positivo à covid-19.

Marcelo Rebelo de Sousa "(...) encontra-se em isolamento profilático preventivo, aguardando as diligências das autoridades de saúde, que estão a proceder à análise de risco", pode ler-se numa nota no portal da Presidência da República.

O elemento da Casa Civil infetado é Paulo Magalhães, assessor de imprensa do Presidente.

SIC MANTÉM DEBATE ENTRE MARCELO E VENTURA

A SIC mantém o debate presidencial desta noite, entre Marcelo Rebelo de Sousa e André Ventura. O debate da SIC será presencial ou à distância, conforme as indicações que a DGS der à Presidência da República.

A candidatura de André Ventura já foi avisada desta situação e concorda com a manutenção do debate para esta noite.

O frente a frente será emitido a partir das 20:55 no Jornal da Noite, com moderação de Clara de Sousa.

Ouvido na qualidade de candidato às eleições presidenciais de 24 de janeiro, Marcelo Rebelo de Sousa manifestou "a esperança de poder ir ao debate presidencial de hoje" com André Ventura, "aguardando luz verde das autoridades sanitárias".

TIAGO PETINGA

CONTACTO COM INFETADO FOI "MUITO CURTO" E "COM MÁSCARA"

Segundo fonte de Belém, citada pela agência Lusa, o contacto do Presidente da República com Paulo Magalhães foi "muito breve, muito curto, com máscara, para dar indicações sobre determinadas questões internas, à margem das audiências aos partidos".

Marcelo Rebelo de Sousa é testado com frequência, de dois em dois dias.

No final do ano passado, também António Costa cumpriu duas semanas de isolamento, depois de um encontro com o Presidente francês, Emmanuel Macron, em Paris, que acabou por acusar positivo ao novo coronavirus.

O primeiro-ministro só saiu do isolamento no dia 30 de dezembro, tendo ficado todo o tempo no Palácio de S. Bento.